Rede de voluntários

O Núcleo Cavernoma Portugal (NCP), - www.cavernomaportugal.pt -, faz parte integrante da Associação Portugal - www.pigmaleao.pt/ -, associação sem fins lucrativos, criada em dezembro de 2021.
A missão do NCP é informar pessoas com cavernomas cerebrais e/ou medulares, bem como familiares, cuidadores, amigos, e mobilizar
simultaneamente a comunidade para a complexidade da doença. 

Para cumprir a sua missão, o NCP presta vários tipos de apoios aos pacientes, ao nível das suas necessidades causadas pelos danos
cerebrais da doença, contribuindo para a melhoria da sua qualidade de vida.
O NCP é membro da European Cavernoma Alliance (Aliança Europeia de Cavernomas) – www.cavernomaeurope.org, - cuja intervenção, em última instância, visa contribuir para a cura de cavernomas, que poderá acontecer ao longo da próxima década, uma vez que a comunidade científica avalia, de forma satisfatória, o estado de arte das investigações científicas em curso e previstas a médio prazo.
Neste pressuposto, existe o propósito de se alcançar a cura daquela doença do sistema nervoso central, caso o ritmo de estudos for
mantido ao ritmo desejável e reforçado nos próximos anos. Por isso, O NCP pretende criar uma rede de voluntários, em várias
áreas, que colabore de forma automobilizada, na concretização dos seus objetivos e valores.
O candidato a voluntário, após ter analisado o documento “Tarefas a realizar por voluntários do Núcleo Cavernoma Portugal”, onde
estão elencadas as principais tarefas, fundamentais ao NCP, após uma entrevista presencial, é admitido como voluntário, ou seja,
compromete-se, com a assinatura do referido documento, a realizar as tarefas que selecionou, por corresponderem à sua livre escolha,
conformidade com as competências atuais e tempo disponível.